www.industria-portugal.com
Norelem

Sabe fazer furos ou nem por isso?

Para os engenheiros e profissionais de fabrico, a perfuração é uma técnica básica que muitos conhecerão. Porém, o domínio desta técnica e a utilização dos componentes certos para a obtenção de eficiência, segurança e precisão é algo que requer uma consideração mais profunda, explica Marcus Schneck, CEO da norelem.

Sabe fazer furos ou nem por isso?

A perfuração é uma técnica que a maior parte das pessoas adquire desde muito cedo. Muito frequentemente, através de trabalhos de bricolage em casa ou na escola, em trabalhos com madeira, e nas aulas de tecnologia de design, no programa escolar nacional.

Claro que fazer um furo com uma broca não é difícil. A parte complicada é fazê-lo de forma rápida, segura e com precisão, protegendo ao mesmo tempo a broca e a vida útil da ferramenta. Tal como os engenheiros e fabricantes experientes saberão, estas técnicas são a chave para e eficiência e uma maior produtividade, ao mesmo tempo que reduzem o desperdício de material, os custos de capital e os custos de manutenção.

A segurança é fundamental. Para perfurar de forma segura qualquer peça de trabalho ou metal, a peça deve estar presa numa superfície de trabalho estável antes da perfuração. Caso contrário, a peça de trabalho pode ser projetada devido à força da broca. Os operadores também devem ter cuidado com a roupa que utilizam, uma vez que a roupa larga pode ser rapidamente apanhada pela rotação da broca e puxar os operadores em direção ao berbequim. Se fizermos uma breve análise retrospetiva da história, podemos verificar que muitos acidentes no local de trabalho ocorreram devido a práticas de perfuração inseguras.

Para garantir que os trabalhadores realizam trabalhos de perfuração da forma mais eficiente e segura possível, existem vários componentes padrão que devem ser considerados.

Perfuração de alto gabarito
Uma das principais áreas onde muitos engenheiros de design podem reduzir os períodos de inatividade e poupar nos custos das máquinas é utilizando gabaritos de perfuração. Ao fazê-lo, isto elimina a necessidade de construir ferramentas e gabaritos de perfuração personalizados, e estes gabaritos são adequados para uma grande variedade de aplicações, mesmo para séries de produção de pequena escala.

Os gabaritos de perfuração da norelem estão disponíveis em nove tamanhos diferentes e têm sido desenvolvidos para simplificar o funcionamento. Os pinos de fixação são colocados na placa de suporte do gabarito, permitindo o posicionamento rápido e fácil da peça a maquinar. A broca e as placas de suporte também podem ser trocadas rapidamente, pelo que o gabarito está imediatamente disponível para outra peça a maquinar.

Os gabaritos também são desenvolvidos tendo em consideração a segurança do utilizador. Todos os gabaritos da norelem possuem um par de cones nas extremidades do eixo de pinhão. Estes trabalham em oposição ao mecanismo de aperto forte e consistente na parte superior e inferior. Como resultado, a placa de perfuração não pode cair sobre as mãos dos utilizadores quando a peça a maquinar é trocada. O grampo irá suportar a peça de trabalho e a placa de perfuração de forma segura, mesmo em caso de vibrações.

Voltas e mais voltas
Outra área onde os gabaritos de perfuração podem ajudar os engenheiros, com velocidade e eficiência é quando são necessários orifícios transversais em barras redondas.

O principal problema com a perfuração de orifícios transversais em barras redondas é que a broca tem tendência para fugir para um dos lados do ponto central. Além disso, a descoberta do centro da barra pode ser um processo difícil e demorado. Esta tarefa requer medir, cortar e marcar as barras à mão e necessita de ferramentas personalizadas para o tamanho do orifício pretendido. Se o orifício não estiver no centro, a peça deve ser eliminada e o processo tem de começar de novo.

Para superar este desafio, a norelem disponibiliza agora gabaritos de perfuração concebidos especialmente para peças cilíndricas. Estes gabaritos oferecem aos engenheiros uma forma fácil e rápida de perfurar orifícios de tamanho comum de forma eficiente e precisa. Consistem num gabarito de perfuração em conformidade com a norma DIN 6348 e pode ser fornecido com discos de perfuração com 16 diâmetros de buchas comuns ou com suportes de bucha de perfuração.

O gabarito de perfuração cilíndrico também utiliza um bloco em V com um batente ajustável para manter a barra no lugar. Desta forma, a configuração é fácil e pode ser realizada sem qualquer conhecimento técnico prévio.

Além disso, todas as peças para o gabarito podem ser encomendadas e fornecidas numa data posterior. Uma peça presa pode ser perfurada, mandrilada, rebaixada e roscada com buchas de pressão.

Perfuração em linha reta
O seguimento da perfuração exata de orifícios transversais é um desafio no que diz respeito à perfuração de orifícios repetitivos. Aqui, o problema é conseguir perfurar da forma mais reta e exata possível, mantendo ao mesmo tempo a estabilidade e consistência. Para superar este obstáculo, as buchas de perfuração podem oferecer operações de mandrilagem padronizadas na construção de máquinas e instalações.

Ao utilizar buchas de perfuração, a broca é guiada diretamente para o gabarito de perfuração. Isto significa que as posições de perfuração não têm de ser repetidamente medidas nem marcadas. O componente garante que a broca segue em linha reta e os resultados são consistentes devido ao ângulo de penetração fixo.

Ao simplificar e otimizar o processo de perfuração, os engenheiros não têm de se preocupar com o desperdício de material, minimizando ao mesmo tempo a probabilidade de ocorrência de erros.

Evacuar e proteger
Um aspeto que também deve ser tido em conta relativamente à técnica de perfuração é como evacuar de forma eficaz as aparas que são produzidas durante a perfuração e como proteger os utilizadores.

As mangueiras flexíveis e modulares estão atualmente disponíveis e podem ser colocadas num sistema extrator central ou em aspiradores industriais. Depois de colocadas, podem ser posicionadas ao lado da maquinaria de perfuração para extrair aparas que podem ser potencialmente prejudiciais.

Concebidas para oferecer uma máxima versatilidade, os utilizadores podem aumentar ou reduzir o comprimento das mangueiras utilizando extensões modulares e estas podem ficar livremente suspensas até 100 cm sem ser necessário um suporte. Os utilizadores também podem dobrá-las e manipulá-las, permitindo um posicionamento preciso, sendo possível combinar uma série de bocais e acessórios para uma extração eficaz.

Também podem ser equipadas com blindagens de proteção para evitar que os utilizadores acedam à broca. Mais uma vez, isto ajuda a minimizar os acidentes no local de trabalho.

Perfuração perfeita
Tal como com todas as aplicações de engenharia, a perfuração é uma técnica que requer tempo para ser melhorada e aperfeiçoada. Porém, com o emergente défice de competências, é evidente que se tem tornado mais difícil transmitir a experiência e o conhecimento que os engenheiros experientes adquiriram. Como resultado, a produtividade e os conhecimentos fundamentais sobre segurança estão a perder terreno.

Para o efeito, assim como a transferência eficaz de conhecimentos, é imperativo que os engenheiros de hoje e de amanhã possuam as ferramentas e os componentes ideais que os ajudem nos seus trabalhos.

A norelem possui 45 000 componentes no seu guia completo de referência de engenharia, THE BIG GREEN BOOK, para ajudar em qualquer aplicação e design de engenharia. Para obter mais informações sobre a norelem, visite www.norelem.pt

  Peça mais informações…

LinkedIn
Pinterest

Junte-se aos mais de 15 mil seguidores do IMP