www.industria-portugal.com
Watson Marlow

Fabricante de perfumes de luxo escolhe a tecnologia Bioflex Ultra da Aflex Hose para a sua unidade de produção

A Aflex Hose, líder mundial no fabrico de mangueiras flexíveis em PTFE, equipa uma linha de transferência de fluidos numa fábrica de perfumes de luxo em França. A Aflex foi selecionada como única tecnologia que cumpre integralmente os requisitos da aplicação.

Fabricante de perfumes de luxo escolhe a tecnologia Bioflex Ultra da Aflex Hose para a sua unidade de produção

Desde 2004, a unidade de produção especializou-se no fabrico e na embalagem de perfumes com e sem álcool, produtos cosméticos e leites corporais, loções e desmaquilhantes. O processo de limpeza do sistema anterior não era efetuado no local (CIP - Cleaning in Place), pelo que eram necessárias novas mangueiras de transferência de fluidos capazes de resistir a álcool a 95% e a vapor à pressão de serviço de 7 bar. As mangueiras de silicone existentes de um fornecedor concorrente apresentavam uma série de limitações; eram absorventes, vazavam e os componentes internos estavam degradados devido ao sistema SIP (Sterilisation in Place). O fabricante de perfumes decidiu, por isso, mudar de fornecedor e, desde 2018, usa produtos Bioflex Ultra da Aflex para cumprir os requisitos de certificação ATEX e FDA.

Desgaste mínimo, longa vida útil

A Aflex Hose, uma empresa pertencente à Watson Marlow Fluid Technology Group, sugeriu a mangueira Bioflex Ultra em PTFE especificamente concebida para a transferência de fluidos em aplicações biotecnológicas e farmacêuticas. A mangueira Bioflex Ultra foi aceite devido ao seu revestimento interno suave em PTFE que garante um débito excelente e contínuo, além de ser fácil de limpar. Oferece também uma excelente resistência a produtos químicos numa ampla gama de temperaturas de operação, bem como uma maior flexibilidade que permite alcançar melhores raios de curvatura. Equipada com acessórios sanitários Triclamp revestidos a PTFE, a mangueira Bioflex Ultra possui certificação ATEX e FDA, contrariamente aos produtos existentes do fornecedor concorrente.

O fabricante de perfumes já estava habituado à qualidade do equipamento fornecido pela Watson-Marlow Fluid Technology Group, uma vez que já utilizava bombas senoidais Certa 250 e bombas peristálticas 701 com conectores Q-clamp BioPure na unidade de produção para outras aplicações. Durante um mês, a mangueira foi experimentada, com sucesso, na produção de rímel, incluindo a limpeza diária das mangueiras. A solução escolhida provou ser eficaz e capaz de cumprir os requisitos da aplicação.

Um design em PTFE patenteado

As mangueiras em PTFE da Aflex Hose são o resultado da combinação de engenharia especializada com o conhecimento de vários materiais, sendo a empresa claramente reconhecida como pioneira nesta área de produção. Graças ao seu patenteado revestimento interior em PTFE, as mangueiras Bioflex Ultra são extremamente resistentes a produtos químicos e ao vapor, não apresentando nenhum dos problemas de resistência encontrados nas mangueiras da concorrência. Estudos demonstraram que o PTFE é superior à borracha, ao silicone e ao PVC em aplicações semelhantes.

Este cliente optou pela configuração GP, AS, SS e RC da Bioflex Ultra, com acessórios sanitários Triclamp revestidos a PTFE. O cliente foi alertado para o risco de acumulação e descarga de eletricidade estática em alguns dos produtos processados (por ex., o creme facial), bem como para uma potencial falha das mangueiras devido ao processo de limpeza. O revestimento interior em PTFE recomendado continha 2,5 % de carbono, oferecendo propriedades antiestáticas.

Graças ao seu patenteado revestimento interior em PTFE, as mangueiras Bioflex Ultra podem expandir-se na parte exterior de uma dobra e comprimir-se na respetiva parte interior. Isso ajuda a manter um diâmetro interior circular liso ao longo de todo o comprimento da mangueira, sem deformação.

O acessório sanitário Triclamp revestido a PTFE da Aflex, com o seu design único, também atua como selo de vedação, sem limitação do fluxo ou zona de retenção, eliminando o risco de contaminação, uma vez que o único material em contacto com os fluidos do processo é o PTFE.

A configuração escolhida oferece um revestimento interno liso em PTFE para garantir higiene, elevado desempenho e resistência a altas pressões e temperaturas entre -73 °C e 260 °C. Permite uma limpeza eficaz e é resistente ao vapor, ao mesmo tempo que garante a conformidade com as mais exigentes normas de higiene.

Tendo obtido várias certificações, o revestimento interior em PTFE é reforçado com arame em espiral helicoidal e entrançado, ambos em aço inoxidável 316, e tem um cobertura exterior em borracha EPDM azul conforme com a norma EN 16643. As mangueiras são fabricadas sem aplicação de colas entre as diferentes camadas, de modo a evitar qualquer risco de contaminação. Esta estrutura torna toda a mangueira extremamente flexível e resistente à torsão, com um baixo raio de curvatura e boa resistência a dobras. As mangueiras fornecidas tinham 10 m de comprimento, diâmetro interior de 19 mm e precisavam de resistir a uma pressão de serviço de 16 bar (testadas a 32 bar).

O fabricante de perfumes optou pela tecnologia Bioflex Ultra da Aflex devido a estas vantagens únicas, entre as quais o elevado nível de certificação, o baixo raio de curvatura e a garantia de 2 anos. Tendo ficado completamente satisfeito com a qualidade destas mangueiras, o cliente efetuou, no início de 2020, uma nova encomenda para a mesma aplicação.

  Peça mais informações…

LinkedIn
Pinterest

Junte-se aos mais de 15 mil seguidores do IMP